terça-feira, 21 de agosto de 2012

Aves em Foco

Não tenho muitos amigos, mas me orgulho de todos eles! Alguns são verdadeiros super profissionais. Em várias ocasiões, consegui levá-los para incrementar as aulas de Ciências e Biologia nas minhas turmas. Esse ano, por exemplo, contarei com a presença do meu amigo fotógrafo João Quental para um trabalho de campo onde os alunos do sétimo ano experimentarão a prática da fotografia de aves. Para essa empreitada, João preparou algumas dicas preciosas. Eu não resisti e pincei algumas fotos incríveis no site dele para acompanhar essas pérolas, confira:


Fotografia de Aves – Dicas Importantes:

1) Cuidado com movimentos muito bruscos e com o barulho. Boas fotos de aves acontecem quando se chega silenciosa e lentamente perto delas, sem assustá-las.

2) Não se aproxime muito de ninhos, isso pode prejudicar os filhotes ou ovos.

3) Tire muitas fotos, não economize a memória da sua máquina.

4) Em caso de dúvidas sobre como regular sua máquina, deixe-a no automático. E experimente ligar o flash (isso, às vezes, pode ajudar bastante a “congelar” a imagem).

5) Procure utilizar uma velocidade bem alta para “congelar” a imagem do pássaro. O ideal é de 1/250 em diante. No caso de máquinas compactas, com regulagem não-numérica, utilizar o modo “esporte”.

6) Use o aumento máximo da lente da sua máquina, para aproximar a ave.

7) Prenda a respiração na hora de fotografar. Mantenha os braços colados ao corpo, isso dá mais firmeza na hora do foto, o que melhora muito a qualidade do resultado.

8) Caso você saiba regular isso na sua máquina, utilize ISO’s mais altas. 400 é um bom número, em algumas ocasiões será necessário usar 800, para garantir a velocidade necessária. Ou maior do que isso, o que permite não usar o flash.

9) Utilize o pré-foco: significa focar o ponto (um galho, por exemplo) onde a ave pode pousar.

10) Paciência. E paciência. E um pouco mais de paciência.

11) Cuidado com o “shutter lag” (ou seja, o “tempo de disparo”). Não mova a câmera imediatamente após apertar o botão de disparo.

12) Não espere estar a uma distância “ideal” para fazer a foto. Faça primeiro uma foto a longa distância, para garantir o registro.

13) Analise o fundo diante do qual a ave está. Procure regiões escuras, caso a ave seja clara, e vice-versa. Isso ajuda a destacar a ave, tornando a imagem mais impactante.

14) Evite, a qualquer custo, estressar as aves. Perca a foto, mas não invada de modo violento o espaço da ave.

15) Procure fruteiras onde as aves se alimentam. Descubra onde há comedouros, pois é nesses locais que você conseguirá as fotos mais próximas.

Um comentário:

Kelly Fontes disse...

Fotos incríveis. Amei!!!
E adorei as dicas Silvania!!!
Grande beijo